Bem-vindo à Universidade Falada AUDIOLIVROS

  • Meu carrinho

    Seu carrinho de compras esta vazio

    Você não tem itens no seu carrinho de compras.

As Aventuras de Marco Polo

Dê Sua Opinião Sobre o Produto

Audiolivro


As Aventuras de Marco Polo adaptada em Audio-livro para o público infanto-juvenil.


Você gosta de ler? Você gosta do seu nome? Você gosta de aventuras ? Quer saber oque cada uma dessas pergunta acima tem a ver com a outra? Então leia essa história cheia de acontecimentos fantástico para descobrir o mundo de Marco Polo.


Audiolivro em mp3

R$11,99

As Aventuras de Marco Polo audio livro audio livros  audio book audio books  audio-livro  audio-livros Zoom

MP3
R$11,99

Detalhes

Audiolivro

Responda rápido: quem inventou o macarrão? Os chineses ou os italianos? Se você respondeu que foram os italianos, dançou! Foram os chineses! E como é que o macarrão foi parar na Itália? Reza a lenda que a "pasta" teria sido levada por um aventureiro chamado Marco Polo. Marco Polo nasceu em Veneza, provavelmente em 1254. Era de uma família de comerciantes que costumavam viajar para o Oriente. Ele foi um dos maiores viajantes de todos os tempos.

Passou 24 anos indo da Europa para a Ásia, percorrendo países desconhecidos: a China, o Afeganistão, o Irã. Ele ficou tão famoso que se tornou amigo de um imperador, o Kublai Khan. O imperador transformou Marco Polo em seu emissário: era ele que levava as cartas de Khan ao Papa! Quando voltou para Veneza, Marco Polo escreveu um livro contando suas aventuras.

Em As Viagens de Marco Polo ele fala dos desertos e das montanhas, de lugares como a Pérsia, a Índia, o Tibete, a Turquia e de suas maravilhosas descobertas do outro lado do mundo.

Você gosta de ler? Você gosta do seu nome? Você gosta de aventuras ? Quer saber oque cada uma dessas pergunta acima tem a ver com a outra? Entao leia essa historia cheio de acontecimentos fantastico para descobrir o mundo de Marco Polo (Veneza 15 de setembro de 1254 – Veneza, 29 de janeiro de 1324) foi um mercador, embaixador e explorador. Nasceu na República de Veneza no fim da Idade Média. Juntamente com o seu pai, Nicolau Polo (Niccolò), e o seu tio, Matteo, foi um dos primeiros ocidentais a percorrer a Rota da Seda.

Partiram no início de 1272 do porto de Laiassus (Layes) na Armênia. O relato detalhado das suas viagens pelo oriente, incluindo a China, foi durante muito tempo uma das poucas fontes de informação sobre a Ásia no ocidente. A rota percorrida foi: através da Armênia até o norte da Turcomânia, e passando por Casaria e Sivas, atingiram Arzingan, de onde se avista o monte Ararat.

Seguiram o curso do rio Tigre até Bandas, através de Mosul, chegando a Bagdá. Decidiram ir a Ormuz e seguir de barco até a longínqua China, porém ao verificarem as embarcações precárias que seguiam pelo Oceano Índico, decidiram seguir por terra. Rumando norte chegaram a Khubeis, além o deserto de Lut. Depois Damagham, a antiga Hecantompylos de Alexandre. Sempre rumo leste, atravessando desertos, rumaram para Balkh (antiga Báctria Regia).

Por fim partiram para nordeste, através dos passos do Pamir, finalmente chegando a grande cidade de Kachgar. De lá rumo sudeste para Khotan onde aguardaram outra caravana para atravessar com mais segurança o deserto de Taklamakan. Chegam a Kan-Cheu onde encontram estátuas gigantescas de Buda. Voltaram-se para sudeste, cruzando o Huang Ho para a cidade de Si-ning, de onde encontraram pela frente a grande estrada Tibete-Pequim. Dirigiram-se à corte do rei mongol Kublai Khan, neto do poderoso Gengis Khan e, a seu serviço, percorreram a Tartária, a China e a Indochina. O imperador permitiu que os Polos voltassem a Veneza, aproveitando o regresso de uma embaixada de Arghun-Khan, que subira ao trono na Pérsia e solicitava uma princesa da corte chinesa para casar-se.

A volta foi via marítima, Kublai-Khan enviou 14 navios e um total de dois mil homens com eles. Como chegaram em Málaca em meados de maio de 1291, tiveram que esperar ventos favoráveis monçônicos que só chegaram em outubro. Estiveram no Ceilão e de lá bordejando a costa da Índia chegaram a Ormuz (Pérsia) após 18 meses da partida. Após entregarem a princesa, os Polo seguiram por terra até Armênia, passando por Trebizonda, Constantinopla e Negroponte, de onde embarcaram para Veneza. Lá chegando em 1295, Marco Polo comandou uma tropa na guerra contra Gênova, acabando por ser feito prisioneiro. Durante o cativeiro, ditou as suas aventuras de viagem a um prisioneiro, Rusticiano de Pisa (Rustichello da Pisa), que foram traduzidas em latim, em 1315, pelo frei Francisco Pipino. Em 1485, depois de traduzidas em várias línguas, foram impressas. A primeira tradução portuguesa impressa surgiu em 1502, sob o título de Livro de Marco Polo. ] As suas crônicas e histórias povoaram imensamente o imaginários de vários povos e chamavam a atenção pela incrível riqueza de detalhes e emoção produzida em suas narrativas.

Audiolivro em mp3

Informações adicionais

Título As Aventuras de Marco Polo
Autor Não
Editora Universidade Falada
Áudio Narração Profissional
Locução Não
Tempo de duração 1 hora 35 minutos
Audiolivro em MP3 - para download
Classificação Muito Bom
Preço R$11,99



Queremos saber sua opinião

Somente usuario registrados podem comentar. Por favor, faça login ou registre-se

Tags do Produto

Tags adicionadas por outros clientes:

Use espaços para separar as Tags. E aspas simples (') para frases.